Um dos títulos mais odiados e amados do mundo dos games ano passado, Mortal Kombat 1, jogo que reinicia a história do game da NetheRealm realizou o feito de superar a marca de 3 milhões de cópias vendidas no último final de semana.

    A notícia foi dada pelo próprio CEO da Warner Bros. Discovery, David Zaslav, em comunicado oficial à revista Variety:

    Em 18 de maio de 2023, a NetherRealm Studios anunciou o lançamento do jogo Mortal Kombat 1, com data prevista para 19 de setembro de 2023. Este jogo marca o segundo reboot da série e se passa na Nova Era, uma linha do tempo criada por Liu Kang após ele alcançar a divindade em Mortal Kombat 11.

    Em Mortal Kombat 1Liu Kang, agora conhecido como Fire God Liu Kang, reúne um grupo de lutadores para participar do mais recente torneio Mortal Kombat em Outworld. Enquanto isso, eles enfrentam uma aliança liderada pelo titã Shang Tsung. O jogo recebeu críticas geralmente positivas, embora a versão para Nintendo Switch tenha sido criticada por seus gráficos e problemas técnicos. Até novembro de 2023, o jogo já havia vendido quase 3 milhões de cópias.

    A jogabilidade de Mortal Kombat 1 inclui um modo história, multiplayer online com rollback netcode e jogabilidade offline. Uma novidade é o recurso chamado Kameo Fighters, que oferece assistência ao jogador durante as lutas. Esses personagens são escolhidos antes de cada luta e podem realizar Fatalities e Brutalities. Além disso, o Kameo Fighter escolhido afeta a quantidade de saúde dos jogadores na luta.

    Os Fatal Blows, introduzidos em Mortal Kombat 11, também retornam com funcionalidades diferentes, sendo realizados como movimentos ofensivos colaborativos entre o jogador e um Kameo Fighter. O jogo também traz de volta o sistema de combos Air Kombat, visto em jogos anteriores da série.

    Para os jogadores solitários, Mortal Kombat 1 oferece o retorno do modo história e o tradicional modo Towers, além de introduzir o novo modo Invasion, que combina mecânicas de luta com elementos de jogo de tabuleiro e RPG online.

    Primeiras reações

    Lançado recentemente, o jogo gerou reações diversas entre o público e a crítica. Entre os pontos positivos, Mortal Kombat 1 apresentou uma jogabilidade bem construída, mantendo a tradição da série.

    Infelizmente, a trama do game em si é considerada a pior desde Armageddon. As reviravoltas mirabolantes e mal escritas deixaram a desejar.

    O novo modo Invasões não conseguiu substituir adequadamente a popular Kripta, sendo uma falha grave no jogo. Para fechar com chave de ouro, o último capítulo da história abraça a galhofa de forma destoante do tom apresentado no início, deixando alguns fãs insatisfeitos.

    Em resumo, Mortal Kombat 1 é um jogo com altos e baixos, mas ainda mantém a atenção dos jogadores, especialmente aqueles que são fãs de longa data da franquia. A combinação de nostalgia, jogabilidade sólida e visuais impressionantes contribui para sua polarização entre amor e ódio.

    Kombat Pack

    Kombat Pack, lançado junto com o jogo Mortal Kombat 1, foi o grande destaque da última temporada de lançamentos de jogos. Ele incluiu 6 novos personagens jogáveis e 5 novos Kameo Fighters, proporcionando aos fãs da série uma experiência de combate intensa e emocionante. Dentre eles: Omni-Man (de Invincible), Quan Chi, Peacemaker (do universo DC), Ermac, Homelander (de The Boys) e Takahashi Takeda.

    Além disso, o Kombat Pack oferece acesso antecipado de 1 semana a todos os personagens DLC.

    Mortal Kombat 1 está disponível para PlayStation 5, Xbox Series X|S, Nintendo Switch e PC.

    Via: MeuPS

    Share.