Celular com bateria nuclear promete autonomia de 50 anos
    Créditos: Microsoft/Copilot

    A companhia chinesa Betavolt Technology afirma ter criado uma bateria nuclear de celular, com autonomia de até 50 anos. Isso mesmo, 50 anos de duração de bateria. De acordo com eles, o material é supostamente seguro e não deixa escapar radiação.

    Quem divulgou a informação foi o portal WinFuture. Segundo a publicação, a bateria de radionuclídeo não deixa escapar radiação e produz componentes tóxicos. Pelo menos em tese, o material é seguro. Porém, muitos testes precisarão ser conduzidos na suposta bateria nuclear.

    Foto: Divulgação/Samsung

    A Betavolt Technology já produziu o primeiro modelo da bateria nuclear, o BB100. Com diâmetro de 15 x 15 x 5mm, atualmente o modelo oferece 100 microwatts de potência. Nos próximos dois anos, a empresa quer aumentar essa potência para até 1 W.

    Ou seja, em termos W o modelo de bateria nuclear precisa avançar até se tornar viável, mas a empresa chinesa garante que o dispositivo apresenta função modular.

    O diferencial da bateria está na sua duração, com a promessa de carga por até 50 anos. A bateria nuclear utiliza o decaimento radioativo para gerar energia. O processo é o fenômeno da transformação de um átomo em outro, através da emissão de radiação a partir de um núcleo instável.

    Caso a solução realmente seja segura, sem deixar escapar radiação do seu núcleo e sem produzir compostos tóxicos, a bateria nuclear de celular pode gerar uma revolução na indústria de smartphones.

    Por outro lado, baterias de smartphones comuns também são consideradas seguras, mas todo mundo já ouviu uma história de celular que explodiu. Já imaginou o mesmo acontecendo com uma bateria nuclear? Com certeza não é algo muito interessante de imaginar.

    Além disso, a emissão de radiação pode colocar em risco a vida de pessoas em uma área muito maior. Ainda deve demorar alguns anos até uma primeira versão da bateria da fabricante chinesa tornar-se funcional, mas é bom ficar de olho nesse assunto.

    Fonte: Android Authority

    Share.