X Twitter manchetes
    Créditos: Reprodução

    Depois de arrancar as manchetes dos cartões de URL no X (antigo Twitter), a plataforma está trazendo-as de volta, mas com algumas ressalvas. Os usuários da rede social, estão vendo na versão web que títulos de artigos e sites agora aparecem sobre as imagens que levam a essas páginas, facilitando a identificação do que se clica.

    É uma mudança bem-vinda, mas ainda com imperfeições. Por exemplo, manchetes muito longas são cortadas com reticências, e o texto é bem pequeno. Ainda assim, é um avanço em relação ao que tínhamos antes, quando as imagens só exibiam o domínio do site.

    O X removeu as manchetes no ano passado, a pedido de seu dono, Elon Musk, que achou que isso deixaria os posts mais bonitos. Apesar de tornar os posts menores, era difícil saber para onde uma imagem com um link levava. Os usuários precisavam então improvisar, adicionando a manchete diretamente à imagem ou no texto do próprio post.

    Veja: Valor do X despenca 71% após aquisição de Elon Musk

    Em novembro, Musk prometeu que as manchetes voltariam aos cartões de URL em uma “próxima atualização”, e parece que essa mudança está começando a se concretizar. Ainda não a vejo no aplicativo iOS, mas imagino que chegue por lá eventualmente. No Android, as manchetes continuam funcionando como antes de todas essas mudanças – elas ainda aparecem abaixo da imagem -, então não está claro se ou quando essa alteração chegará lá.

    Na última terça-feira (2), o X (antigo Twitter) surpreendeu seus usuários ao divulgar a lista dos perfis que mais receberam “Notas da Comunidade, como parte de um esforço para promover a transparência e destacar aqueles que foram identificados compartilhando informações falsas na plataforma.

    Essa iniciativa foi resultado de um acordo firmado em outubro entre o CEO do X, Elon Musk, e uma proposta que sugeria a inclusão de um indicador de perfil para os usuários que frequentemente recebem correções das “Notas da Comunidade”.

    O perfil brasileiro Choquei (@choquei) lidera a lista de perfis mais “notados” na plataforma, em meio a polêmicas envolvendo a disseminação de fake news relacionadas à morte de uma jovem de 22 anos. Como resultado, o perfil Choquei interrompeu suas postagens tanto no Instagram quanto no X.

    Outro perfil brasileiro que figura na lista é o POPTime (@siteptbr), também conhecido por seu histórico de publicar notícias falsas.

    Share.