Nokia deixa mercado de celular de novo
    Créditos: Nokia/Reprodução

    É isso mesmo, a Nokia vai deixar o segmento mobile pela segunda vez. Após abandonar o mercado durante o ano de 2014, a HMD fechou uma parceria com a marca e nos últimos anos voltou a lançar smartphones com o branding da marca finlandesa.

    Pelo visto, a estratégia não deu muito certo, pois a HMD anunciou que a Nokia vai encerrar as atividades no segmento de celulares. De acordo com o anuncio da HMD, nesta quinta-feira (1), todas as redes sociais e contas da Nokia fecharão no dia 7 de fevereiro. Recentemente, a companhia demitiu 14 mil funcionários, um sinal claro da situação difícil da empresa.

    Nós vamos fechar os canais MyNokia no dia 7 de fevereiro […] Obrigado por todo o apoio ao longo dos anos.

    HMD – Human Mobile Devices

    A marca Nokia voltou a lançar smartphones após a parceria com a HMD Global. Durante o curto período de tempo, a companhia colocou no mercado modelos como o Nokia G42 com sistema operacional Android.

    Além disso, também lançou um modelo similar ao Nokia 105, um dos smartphones mais vendidos do mundo. Com o dispositivo, a HMD buscou oferecer ao usuário um celular super acessível.

    A HMD vai continuar no segmento mobile, deixando a marca de lado. O próprio site antigo da Nokia redireciona diretamente ao site da HMD. Ou seja, a companhia vai se livrar da identidade da companhia e focar em produtos próprios.

    De acordo com o site da HMD, o objetivo da empresa é lançar no segmento mobile, dispositivos “resistentes, divertidos, seguros, rápidos e acessíveis“. Ao fechar todas as redes sociais da Nokia, a HMD deve seguir em frente apenas com sua marca própria, abandonando a parceria.

    Dessa vez a Nokia parece prestes a deixar de existir de vez, ou será que alguém vai tentar manter a marca viva? Quem sabe na terceira vez a companhia mantenha-se de pé, ou talvez deixe pela terceira vez a indústria mobile após nova tentativa frustrada.

    Fonte: GSMarena, Phone Arena

    Share.