Microsoft / Microsoft supera Apple
    Créditos: Turag Photography/Unsplash

    O mercado de ações tem um novo líder, e ele é um velho conhecido. A Microsoft, impulsionada por avanços na inteligência artificial, conquistou o título de maior empresa dos Estados Unidos em valor de mercado, superando a rival Apple pela primeira vez desde novembro de 2021.

    Na manhã de quinta-feira (11), as ações da Microsoft registraram um ligeiro aumento, elevando o valor de mercado da empresa para quase US$ 2,87 trilhões. Enquanto isso, a Apple experimentou uma queda de 1%, levando sua capitalização de mercado um pouco abaixo desse limiar.

    De acordo com os dados da Dow Jones Market, uma das duas gigantes da tecnologia detém o título desde 4 de fevereiro de 2019.

    A ascensão meteórica das ações da Microsoft ao longo do último ano pode ser atribuída ao crescimento constante de sua divisão de computação em nuvem. Mesmo quando grandes concorrentes como a Amazon e o Google enfrentaram uma desaceleração gradual nas vendas, a Microsoft manteve sua trajetória ascendente.

    Outro fator que impulsionou as ações da Microsoft foi o otimismo em relação ao impacto da inteligência artificial em seus negócios de software. Parte desse otimismo foi resultado do grande investimento da empresa na startup OpenAI, realizado em janeiro do ano passado.

    A receita da Microsoft está projetada para atingir cerca de US$ 61 bilhões em seu trimestre mais recente, encerrado em dezembro. Isso representaria um crescimento de cerca de 16% em relação ao ano anterior.

    Windows 11 não consegue fazer público sair do Windows 10, mostra gráfico

    Enquanto isso, a Apple, que no ano passado se tornou a primeira empresa a ultrapassar a marca dos US$ 3 trilhões em valor de mercado, agora enfrenta desafios. Após um ano de resultados decepcionantes e vendas em queda, investidores e analistas estão preocupados com o futuro da empresa em 2024.

    Wall Street prevê vendas de aproximadamente US$ 118 bilhões para o trimestre encerrado em dezembro, o que representa um crescimento de menos de 1% em relação ao ano anterior.

    Apple deve lançar Mac Pro e Mac Studio com novo chipset M3

    As ações da Microsoft tiveram um impressionante avanço de 64% ao longo do último ano, enquanto as da Apple subiram 38%. Essa ascensão teve um impacto significativo no mercado, uma vez que ambas as empresas compõem cerca de 14% do S&P 500 ponderado pelo valor de mercado, que ganhou 20% no mesmo período.

    Ambas as gigantes da tecnologia devem divulgar seus resultados financeiros nas próximas semanas, e os analistas esperam que a Microsoft continue a registrar ganhos sólidos. Dos 52 analistas consultados pela FactSet, 47 classificaram a Microsoft como uma compra, enquanto os outros cinco recomendam mantê-la.

    Microsoft adiciona o Copilot ao Github para auxiliar programadores

    Em média, os analistas projetam uma meta de preço de um ano de US$ 420,91, um aumento de 8,8% em relação ao preço de fechamento de quarta-feira (10), que foi de US$ 382,77. Para as ações da Apple, a expectativa é de um ganho de cerca de 7% no mesmo período.

    Apesar da competição acirrada e das flutuações no mercado de ações, os investidores parecem confiantes de que tanto a Microsoft quanto a Apple têm um poder de permanência sólido. Independentemente de qual delas ocupe a liderança no mercado dos Estados Unidos, ambas continuam sendo forças dominantes no mundo da tecnologia.

    Fonte: Folha de S.Paulo

    Share.