EUA terão Galaxy S24 e S24+ com processador Snapdragon 8 Gen 3
    Créditos: Divulgação/Samsung

    A fabricante sul-coreana Samsung confirmou como será a distribuição de processadores dos smartphones Galaxy S24 e Galaxy S24+. Ambos foram apresentados nesta quarta-feira (17) pela companhia durante o evento Galaxy Unpacked.

    Alguns mercados terão os modelos com o chip Snapdragon 8 Gen 3. Já a grande maioria dos territórios receberá a variante com o Exynos 2400, que é fabricado pela própria Samsung. Essa é uma mudança grande em relação à geração Galaxy S23, que tinha uma maior participação do chip da Qualcomm.

    De acordo com as informações oficiais da empresa, apenas os Estados Unidos terão os Galaxy S24 e Galaxy S24+ com o chip da Qualcomm. Nas demais regiões, a única opção é a variante com o Exynos 2400. Elas incluem União Europeia, Reino Unido, Índia, Coreia do Sul, China, Oceania e o Brasil.

    Até o momento, ainda não foram realizados testes com os dispositivos para comparar o desempenho de ambas as versões. Porém, dentro de alguns dias os primeiros resultados já devem surgir.

    Já o Galaxy S24 Ultra é comercializado apenas na versão com o Snapdragon 8 Gen 3, independentemente do mercado. Ao longo do evento, a companhia não chegou a especificar os motivos para a divisão por chip e territórios.

    O chip Exynos 2400 é o mais avançado da Samsung, contando com dez núcleos ao todo. Ele tem gráficos AMD RDNA 3, além de ser bem mais rápido que a geração anterior da marca — inclusive para recursos de inteligência artificial (IA), que é um dos focos da linha Galaxy S24.

    Já o Snapdragon 8 Gen 3 é o atual processador mais poderoso da tradicional Qualcomm, presente também em dispositivos de outras marcas de celulares Android.

    O chip é um octa-core com vários componentes que o tornam próprios para roda conteúdos de IA. O seu destaque é o core principal (Prime), que chega a 3,3 GHz. Além disso, a CPU Kryo 4 traz um ganho de 30% em performance e 20% eficiência energética em relação ao modelo do ano passado.

    Fontes: Android Authority, 9 to 5 Google

    Share.