Drone TT
    Créditos: DJI/Reprodução

    A DJI, empresa de drones chinesa, tem dado indícios de que irá se afastar do mercado de drones e robôs educacionais.

    A divisão STEAM Education, que lida com o desenvolvimento e aplicação desses modelos de drones, anunciou a suspensão da venda de diversos dispositivos do seu catálogo.

    Drones como Tello e o RoboMaster EP não serão comercializados pela divisão STEAM Education da DJI, segundo anúncio da empresa em 31 de dezembro de 2023.

    Compartilhado pela DJI na China, o anúncio ainda não consta no site norte-americano. Entretanto, ao tentar acessar produtos desta divisão, a mensagem “não disponível em seu país/região” aparece como aviso em alguns deles.

    Ainda não houve nenhum posicionamento oficial da gigante dos drones, então, por enquanto, o encerramento desta divisão deve ser tratado apenas como especulação. Mas, com a retirada dos produtos, a empresa demonstra que tem ao menos a intenção de realizar mudanças.

    Com mais de uma década de existência, a Steam Education é resultado de parte do investimento da DJI em educação e robótica. A empresa organizou seu primeiro acampamento de verão universitário de robótica na China em 2013 e seguiu com a primeira competição de robótica RoboMaster em 2015.

    Já em 2018, a empresa anunciou o lançamento do drone educacional Tello, em colaboração com a startup de drones Ryze Robotics. Os robôs programáveis RoboMaster S1 e EP Core foram lançados nos anos seguintes, todos advindos desta divisão. 

    Ao chegar em 2020, a DJI Education se tornou uma divisão separada; foi quando a empresa resolveu investir, realizando doações, prêmios em dinheiro, subsídios, fundos de marketing e patrocínios para impulsionar a primeira rodada de campanhas educacionais na Austrália.

    À medida que continuamos a expandir a DJI Education, esperamos fornecer ferramentas e hardware novos e impactantes para os professores, a fim de estimular a próxima geração de inovadores tecnológicos”, disse Jianrong Gao, então chefe da DJI Education.

    Atualmente a  DJI STEAM Education se voltou para a inteligência artificial, o que levou ao desenvolvimento de um módulo de IA projetado para ensino em sala de aula nos níveis primário e secundário. 

    A DJI também lançou uma solução integrada chamada DJI Education Hub, que oferece aos professores acesso fácil a diversos recursos robóticos. Uma adição empolgante do DJI Education Hub, por exemplo, é o Simulador de Robótica, que utiliza um mecanismo de física 3D para adicionar realismo ao ambiente de simulação.

    Agora resta aguardar para saber o que a DJI está planejando. Será que ela irá integrar seus drones ao programa de IA ou irá substituí-los totalmente? Qualquer novidade, noticiamos  por aqui, então fique ligado.

    VIA: DRONE DJ

    Share.