A participação de Christopher Judge, o Kratos de God of War, foi uma maneira perspicaz de Geoff Keighley, o apresentador do TGA, referenciar uma piada da edição passada.

    Porém, ao tentar reviver a piada sobre o seu discurso demorado, Judge automaticamente irritou os devs de Call of Duty, ao dizer que a duração do tempo em que ficou no palco quando ganhou o prêmio foi “maior do que a campanha de COD deste ano.”

    Embora alguns tenham achado engraçado, os devs do jogo não gostaram muito.

    Confira qual foi a piada:

    Eu não vou ficar aqui fazendo discursos longos. Vou seguir o roteiro. Mas um fato engraçado: Meu discurso do ano passado foi maior do que a campanha do COD deste ano.

    Embora o comentário tenha sido engraçado para quem esteve no TGA, os devs de COD se revoltaram com o ator, dizendo que seu comentário foi ofensivo, ocasionando assim uma birra entre os fãs de ambos os jogos.

    Darcy Sandall, uma das devs do jogo, por exemplo, citou que apesar de já terem ouvido coisas piores, não esperavam ouvir isso de um colega da comunidade gamer.

    Nós já ouvimos coisas piores, mas não esperávamos isso de um colega, em um evento que supostamente deveria celebrar as conquistas do ano na indústria dos games.

    Outro dos principais devs, Ajinkya Limaye, que agora faz parte da Bungie, citou as métricas sobre os dois jogos, dizendo que o engjamento de COD era bem maior que o de God of War. As métricas (de Call of Duty) destrõem a de God of War.

    Após o comentário, Ajinkya deletou o tweet.

    Embora o comentário tenha divido a comunidade entre os que acharam a piada de Judge engraçada e aqueles que se consideraram ofensiva, não dá para negar que outra vez nosso Kratos foi polêmico.

    E que, muito provavelmente, Geoff deve convidá-lo novamente para a próxima edição para que tenhamos outro momento icônico.

    God of War Rangarok – Valhalla chega de forma gratuita no ano que vem.

    Veja também:

    Via: Adrenaline

    Share.