NASA detecta água em asteroide
    Créditos: NASA/Divulgação

    A NASA informou que descobriu, pela primeira vez, água na superfície de um asteroide. A Agência Espacial Americana publicou os dados da descoberta na revista científica The Planetary Science Journal. De acordo com os cientistas, a descoberta pode ajudar nos estudos sobre a formação dos planetas.

    Recentemente, a ESA também descobriu Água em Marte, congelada e localizada a 3 quilômetros de profundidade. A NASA também executa missões em Marte e com rovers como o Perseverance busca entender melhor o funcionamento dos planetas.

    Calendário Lunar 2024: confira a data
    das fases da Lua no ano

    Asteroides são sobras da formação planetária“, comentou a Doutora Anicia Arredondo, principal cientista do estudo. Segundo ela, a composição do asteroide vai auxiliar nos estudos sobre formação planetária.

    Para detectar a água na superfície do asteroide, a NASA utilizou a SOFIA (Observatório Estratosférico para Astronomia com Infravermelho). O processo de pesquisa esteve ativo entre os anos de 2014 até 2022. Porém, muitos estudos foram necessários até a publicação da pesquisa no ano de 2024.

    agua em asteroide James Webbagua em asteroide James Webb
    Foto: Divulgação/NASA

    Com os dados de SOFIA, os pesquisadores da NASA estão seguros ao afirmar que há água na superfície do asteroide estudado. Do mesmo modo, os pesquisadores querem utilizar o telescópio James Webb para analisar 30 pontos de interesse no asteroide. Porém, isso ainda deve demorar algum tempo até acontecer, devido ao posicionamento entre astro e telescópio não ser o ideal.

    Deve demorar algum tempo até termos novidades sobre esse tema. Como é necessário calcular bem o posicionamento entre o telescópio e asteroides, não é simples realizar as análises. Porém, esse primeiro estudo já se mostrou um avanço significativo no estudo dos planetas, confirmando uma teoria importante dos cientistas.

    Com a confirmação de água no asteroide, os pesquisadores esperam conseguir avançar nos estudos e teorias sobre acontece a formação dos planetas. Aqui no Mundo Conectado, vamos continuar acompanhando o assunto.

    Fonte: BGR

    Share.